Além do Sangue




Deus honrou sua filha amada, Zita, fazendo com ela uma história de amor.

Conhecemo-nos há anos, desde que tinha 12 (doze) anos...Uma simpatia, desde então! Eu tinha 15 (quinze) anos e ela já me ensinou a fazer ovos à pochê... no molho do tomate, pimentão e cebola... Desde então, gosto muito!
É uma confidente! De todos, sabe bem guardar os segredos do coração... É Dom!

No verão passado, me acompanhou à praia, em algumas segundeiras seguidas...
Um programa de verdade que me fez bem à alma... ver o pôr do sol encantador da Praia dos Castelhanos, aqui no ES onde resido há três meses...

Seu sorriso me contagiou, sempre sorrio ao seu lado...
Sempre me acompanhando e me compreendendo...
Lado a lado como uma irmã deve ser...

Tenta promover o bem-estar de todos que lhe cercam...
Compreende todos tipos de temperamento...
Tem nome de santa... Maria Zita!

Meu padrinho é seu pai do coração...
No quitungo, somos muito felizes...

Zita é como uma flor viçosa...
Nosso Deus é o da simplicidade...
Precisamos de muito pouco para sermos felizes e não imiscuirmos na vida alheia... só alegria e união... genuína fraternidade onde gere o equilíbrio e a veracidade nas relações fraternas...

Tem rosto de doçura...
Senhor, me faz ser assim quando eu crescer!

60 Anos

Era noite de lua cheia... uma lindeza!
Chegamos ao sítio do primo... no interior, ou roça, como costumo chamar carinhosamente...
Após uma reunião de um par de horas em família, com um tira gosto delicioso na lenha (carne de porco que amo), produzimo-nos para prestigiar nossa grande amiga do coração...

Em frente à igrejinha simpática do lugarejo que conheço há mais de 20 anos,
Ia eu mandando fotos para filha bem como para três grandes amigos do meu.
Por sinal, agradeço aos três amigos que me fizeram ir à festa e viver o "- Divirta-se!" com intensidade... Não sou muito de festa, mas há algumas indispensáveis... 

Pais do coração:
Meu padrinho e tia muito amados...

Amigas para sempre... primas unidas pelos laços além do sangue...

Tudo ornamentado em família...
Muito amor no coração...

Pastor fez um momento de louvor muito bonito, emocionou a todos, cuja maioria era católica, mas respeitamos a Igreja a que pertence minha prima que cuida bem de todos: do pequeno ao grande, do rico ao pobre... um exemplo de vida...
Aqui está a representação das 3 famílias a que pertence a nossa anfitriã que está sendo muito bem-vinda à Melhor Idade!
Se bem que sempre ela vive a melhor das idades no coração...

Afinal, a vida começa aos e sessenta...





Comentários